youtube

Tel.: 21 884 41 00  |  Fax: 21 884 41 09

Vila Berta, 7 R.C. Esq.º  |  1170-400 Lisboa

Semana de Segurança Infantil


A Semana de Segurança Infantil foi desenvolvida pela APSI – Associação para a Promoção da Segurança Infantil, entre os dias 18 e 22 de Maio de 2015, nas ilhas de São Miguel e Terceira, na Região Autónoma dos Açores.

Tratou-se de um projeto financiado pelo Fundo do Consumidor (Eixo B), que apoia projetos de âmbito local de promoção dos direitos dos consumidores, pelo que a APSI estruturou todo este projeto com o objetivo principal de sensibilizar e capacitar técnicos, pais e crianças residentes nos Açores para a promoção da Segurança Infantil, nas suas diversas vertentes, nomeadamente, segurança rodoviária, em casa, nos espaços escolares, de lazer e desportivos. Na realidade, em Portugal, os acidentes continuam a ser a maior causa de morte e incapacidade temporária ou permanente em crianças e jovens, apesar de se saber que 80% das consequências graves dos acidentes podem ser evitadas se forem implementadas medidas que já mostraram ser eficazes na sua prevenção. 

Assim, ao longo de uma semana, a APSI desenvolveu várias ações, atividades e palestras que permitiram aumentar o conhecimento, alargar competências e capacitar muitos profissionais, famílias e crianças para a prevenção de acidentes em crianças e jovens. O projeto foi desenvolvido nos Açores, por ser uma região onde escasseia a formação especializada sobre este tema. Infelizmente, só foi possível desenvolver a Semana da Segurança Infantil em duas ilhas, mas a APSI espera poder, em projetos futuros, realizá-la em outras ilhas.

A APSI produziu, especificamente para este projeto, dois folhetos que foram distribuídos a todos os envolvidos: “Produtos para bebés e crianças: Escolha correta e utilização segura - ARTIGOS DE LAZER E DE PROTEÇÃO” e “Produtos para bebés e crianças: Escolha correta e utilização segura - ARTIGOS DE PUERICULTURA E MOBILIÁRIO”.

 Assim, nos dias 18 e 19 de Maio duas Técnicas de Segurança Infantil da APSI estiveram em Ponta Delgada na ilha de São Miguel e nos dias 19, 20 e 21 na ilha Terceira, em Angra do Heroísmo e Praia da Vitória, tendo desenvolvido as seguintes ações:

- Consultórios de Segurança (Parque Atlântico em Ponta Delgada (19/05) e Fórum Terceira na Praia da Vitória (20/05) - esta ação, com a duração de 4 horas, teve como objetivo esclarecer dúvidas e aconselhar as famílias sobre a escolha e utilização de produtos para crianças, utilizados nos seus cuidados e/ou em atividades de lazer (ex: brinquedos, carrinho de passeio, cadeirinha para automóvel, capacete, braçadeiras, colete salva vidas, cama, cancelas, etc). 

Nos 2 consultórios de segurança realizados foram contactadas um total de 84 famílias, 108 crianças e 4 grávidas que receberam os dois folhetos produzidos.

- Workshops de Segurança Infantil realizaram-se no Centro Cívico e Cultural de Santa Clara em Ponta Delgada (18 e 19 maio) e no Centro Cultural e de Congressos de Angra do Heroísmo (21 e 22 maio). Participaram profissionais de áreas tão distintas como saúde, educação, serviço social, psicólogos, agentes de autoridade (PSP e Polícia Municipal), técnicos de autarquias, motorista de transporte coletivo de crianças, arquiteto e arquiteto paisagista, técnico de saúde ambiental, de higiene e segurança no trabalho e de segurança rodoviária, vendedores de artigos de puericultura e de sistemas de retenção para crianças, entre outros.

 1. Segurança na Escola e nos Espaços de Jogo e Recreio (duração de 7h) – os 2 workshops realizados tiveram um total de 35 participantes

 2. Segurança em Casa (duração de 3h30) – 2 workshops com 22 participantes

 3. Segurança Rodoviária (duração de 3h30) – 2 workshops com 23 participantes

Assim a APSI formou 80 profissionais que no seu dia-a-dia estarão mais capacitados para intervir profissional e socialmente, na conceção e manutenção de espaços mais seguros, na escolha de produtos mais adequados e na divulgação das estratégias mais eficazes para evitar os vários tipos de acidentes mais graves e/ou frequentes com a população mais jovem (e não só!). Cada participante levou 15 exemplares de cada um dos dois folhetos sobre escolha e utilização segura de produtos e artigos para bebés e crianças, para afixação na instituição onde trabalha e distribuição a outros profissionais, familiares e amigos.

- Aulas de Segurança realizaram-se em escolas do 1º ciclo do ensino básico, para turmas de alunos do 3º e 4º ano de escolaridade. Com a duração aproximada de 1 hora, versaram sobre a importância da utilização correta dos equipamentos de proteção pessoal nas atividades de lazer (cadeira/banco elevatório ou cinto de segurança, capacete, colete salva vidas e braçadeiras) bem como, sobre a adoção de um comportamento seguro em todas as atividades, no ambiente rodoviário e em atividades aquáticas. No final todas as crianças receberam um quiz lúdico com o objetivo de reforçar as aprendizagens e transmitir conselhos relevantes para a sua própria segurança e levaram para as famílias os 2 folhetos sobre escolha e utilização segura de produtos e artigos para bebés e crianças.  

As aulas de segurança foram dinamizadas durante 2 dias em cada ilha e decorreram em simultâneo com os Workshops de Segurança Infantil. A APSI visitou 11 escolas (5 em S. Miguel e 6 na Terceira) e sensibilizou 240 alunos. Na avaliação feita pelos professores que os acompanharam sobressaíram a importância e utilidade desta temática bem como a componente prática da abordagem realizada, que demonstrou ser apelativa para o público-alvo a que se destinava. 

- Ação de Educação Parental foi dedicada às famílias e teve a duração de 1h30, tendo abordado o tema geral da prevenção dos acidentes com crianças, com destaque para os seguintes conteúdos: a) características das crianças e sua relação com a ocorrência dos acidentes; b) estratégias de prevenção dos acidentes: rodoviários, quedas, afogamentos, intoxicações, queimaduras, eletrocussão, cortes; c) escolha e utilização de produtos e artigos para crianças. Foram visionados 3 filmes produzidos recentemente pela APSI no âmbito de outro projeto, nomeadamente sobre segurança rodoviária (segurança da criança passageiro, peão e condutora), prevenção de afogamentos e de quedas. 

Participaram um total de 8 mães e 1 pai que fizeram uma avaliação muito positiva da ação desenvolvida em Angra do Heroísmo. Em Ponta Delgada infelizmente não foi possível realizar esta ação. Foram distribuídos os dois folhetos produzidos para o projeto.

Todas as atividades desenvolvidas permitiram um encontro e aproximação entre diversos profissionais de áreas distintas, o que levou a uma partilha de experiências entre todos que contribuiu decisivamente para o sucesso deste projeto.

A APSI teve ainda a oportunidade de participar numa entrevista em direto, na RTP Açores, no dia 18 de Maio, no Programa “Açores Hoje”. Pôde assim reforçar a divulgação deste projeto, dar a conhecer a APSI e o trabalho que desenvolve desde 1992, e sensibilizar a população para a possibilidade de recorreram a esta associação para esclarecimento de dúvidas e aconselhamento em todas as áreas de segurança infantil e prevenção de acidentes com crianças e jovens.

A APSI gostaria de agradecer a todas as pessoas e instituições que ajudaram no sucesso da Semana da Segurança Infantil nos Açores, nomeadamente à ACRA de Ponta Delgada e de Angra do Heroísmo, Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, Câmara Municipal de Ponta Delgada, Centro Cívico e Cultural de Santa Clara, Centro Cultural e de Congressos de Angra de Heroísmo, Coingra, Escola Básica e Secundária Tomás de Borba, Escola Básica Integrada de Angra do Heroísmo, Escola Básica Integrada de Ponta Delgada, Fórum Terceira, LGM, Loja Mo da Praia da Vitória, Parque Atlântico, e Prenatal de Ponta Delgada.

parceiros


  • AFESP
  • Ford
  • Microsoft
  • Montepio Geral
  • Mordomo Business Consulting
  • Saúde CUF
  • ANSR
  • Nuno Nogueira
  • ANF
  • CM Cascais
  • Barriguinhas
  • DGS
  • DGC
  • Dorel
  • Manchete
  • LeasePlan
  • Goody
  • FCG
  • Estrelas&Oriços
  • SIBS
  • H-Menezes_RiskVision
  • Norauto
  • GNB Seguros
  • Fundação MAPFRE
  • Sinalux
  • Ardozia
  • Frontcom
  • Índice Nacional Terapeutico
  • Pumpkin
  • Qualivita